Thursday, February 22, 2007

Biometria - Minority Report?


Vocês se lembram de Minority Report? Lembram das várias cenas onde sistemas inteligentes liam a íris das pessoas e tinham acesso ao seu banco de dados? Outros filmes utilizavam leitura digital da mão ou de um ou mais dedos? A maioria, filmes ficção científica.

O uso de caraterísticas físicas e comportamentais em mecanismos de identificação é conhecido como biometria, isto é, seu corpo é sua senha. E pasmem farão parte do dia-dia nosso ainda este ano (2007). Neste ano, os três maiores bancos privados Itaú, Unibanco e Bradesco utilizarão sistemas biométricos para para reforçar a identificação do usuário, combatendo assim fraudes. Esse sistema também é usado por algumas empresas para logon no Windows ou acesso a determinado conteúdo, por exemplo.

Muitos caminhos a seguir

Bradesco, inaugurou terminais de auto-atendimento com sensores que lêem as veias da mão de seu cliente para evitar crimes. Outros bancos também estão investindo em pesquisa na área, mas tratam o assunto com cuidado estratégico. Por outro lado, o Unibanco fez testes recentes com reconhecimento da íris. E para implementar mecanismos de segurança, os Bancos gastam somas astronômicas. São centenas de milhões de reais investidos para se garantir a segurança. Apenas o banco o Bradesco para citar, investiu R$ 1,5 Bilhão em 2006!


É seguro mesmo?

De acordo com o artigo (veja também), não adiantaria por exemplo, alguém decepar seu dedo ou mão para tentar bular o sistema, pois é preciso que o sangue esteja circulando nas veias para funcionar.

Segundo os dados da International Biometric Group revelam que o mercado mundial de biometria deve movimentar cerca de US$ 3 bilhões em 2007. Em 2012, a cifra pula para US$ 7,5 bilhões, segundo estudos da consultoria, principal referência na área.O relatório aponta ainda quais tecnologias vão liderar o mercado até o final deste ano. O principal faturamento deve vir do reconhecimento de impressões digitais (59%). Identificação por padrões da face (13%) e leitura da íris (5%) vêm em seguida.

Vai uma mãozinha aí?


Veja também:
Caixa eletrônico começa a exigir leitura da mão para evitar fraudes
Entenda o que é e como funciona a biometria

2 comments:

Sergio said...

Não sei dizer se isto é uma evolução mesmo. A cada nova criação, sinto que nossa privacidade é colocada em xeque!

Marcello said...

Sergio,

existem pessoas que ainda passam nr. cartão de crédito por telefone e acreditam que é seguro. Vivemos numa sociedade onde a informação é valiosa e mecanismos para sua preservação se tornam necessários. E por isso acredito estarmos evoluindo a cada necessidade criada.

t+